Saltar para o conteúdo principal
Lido 2258 vezes

Chamusca afirma-se como a “Capital da Afición” em 2019

 

 

A Comissão de Comemoração do Centenário da Praça de Toiros da Chamusca apresentou esta quarta-feira, dia 27 de março, o Programa Oficial das comemorações, que inclui diversos espetáculos taurinos (quatro toiradas e um Festival Taurino com toureio a pé e a cavalo), exposições, lançamento de livros, colóquios, workshops, festival de bandas, o Congresso Internacional de Tauromaquia, projeção de filmes, e o Festival de Encerramento.

FOTOGALERIA COMPLETA AQUI

A Chamusca afirma-se em 2019 como a Capital da Afición, ano em que se comemoram os 100 anos da Praça de Toiros e o concelho organiza e acolhe um vasto programa de eventos tauromáquicos. Na apresentação oficial do programa, que aconteceu no dia 27 de março, no Miradouro de Nossa Senhora do Pranto, o Presidente da Câmara da Chamusca afirmou: “Estamos na Chamusca, o coração do Ribatejo, mas este ano nós somos Chamusca Capital da Aficcion 2019”.

 

O programa das comemorações, que agrega várias iniciativas de entidades diferentes, é coordenado pela Comissão de Honra de Comemoração dos 100 anos da Praça de Toiros, liderada pela Santa Casa da Misericórdia da Chamusca, proprietária da praça. O Provedor da Santa Casa da Misericórdia, Nuno Castelão, enalteceu e agradeceu o “trabalho imenso” da autarquia na elaboração do programa e frisou que o Município foi “o elo aglutinador de todas estas vontades” e o Presidente “uma das pessoas mais influentes para este programa”.

 

Festival Taurino

As comemorações arrancam oficialmente no dia 6 de abril com uma grande jornada de tauromaquia. De manhã realiza-se a etapa da Chamusca do II Concurso de Toureio de Salão “Vem Tourear”, pelas 09h30, no Largo Vasco da Gama. À tarde, pelas 14h30, é inaugurada a exposição de cartazes taurinos “100 anos em Cartaz”.

Às 16h00, a Praça de Toiros da Chamusca recebe o primeiro grande espetáculo tauromáquico da época, o Festival Taurino de Beneficência a favor da Santa Casa da Misericórdia da Chamusca, que vai trazer os matadores espanhóis Francisco Rivera Ordóñez “Paquirri”, Morante de la Puebla, Manuel Jesús “El Cid”, e ainda o português Vasco Veiga.

No toureio a cavalo vão estar quatro cavaleiros de renome, pais e filhos, a lidarem em dupla, dois toiros: António Ribeiro Telles e António Ribeiro Telles (filho); João Salgueiro e João Salgueiro da Costa. Nas pegas vão estar os dois grupos da Chamusca: os Forcados Amadores da Chamusca, que completam este ano o 45º aniversário, e os Forcados Amadores do Aposento da Chamusca, que completam o 35º aniversário.

Os seis novilhos e toiros a ser lidados são gentilmente cedidos pelos ganadeiros David Ribeiro Telles, Rosa Rodrigues, Manuel Veiga, Manuel Assunção Coimbra e Calejo Pires.

 

Programa cultural

O programa de comemorações prossegue no dia 20 de abril, com a apresentação do livro “A Inglesa e o Marialva”, da autoria de Clara Macedo de Cabral, uma organização do Município da Chamusca, que tem lugar às 16h00 no Edifício São Francisco.

 

Nos dias 25 e 26 de maio, realizou-se uma ação de divulgação sobre a criação e vivência dos toiros, designada “Diálogos: o touro como novo paradigma da reconversão sociocultural”, com início às 09h40, na Praça de Toiros.

 

No dia 29 de maio, decorre um workshop taurino, no Páteo Ascensão, iniciativa integrada no programa da Semana da Ascensão.

 

Em julho, decorre um festival de bandas e um concurso ao som de passedobles.

 

No dia 3 de agosto, data oficial do Centenário da Praça de Toiros, é inaugurada a exposição de obras de pintura e escultura intitulada “Entre o campo e o atelier”, da autoria dos mestres Manuel e Rui Fernandes, na Galeria Municipal da Chamusca.

 

Nos dias 12 e 13 de outubro, o cinema dedicado à tauromaquia é exibido no Cineteatro da Chamusca.

Em novembro, o Secretário Geral da Protoiro, Hélder Milheiro, dá uma aula sobre a História da Tauromaquia em data e localização a definir. Também em novembro, vai estar patente uma exposição de fotografias “Um ano em fotos”, que é resultado do concurso de fotografias que será lançado para premiar as melhores imagens alusivas aos eventos do programa do Centenário.

 

As comemorações encerram em dezembro, com um Festival que terá lugar no Cineteatro da Chamusca, com a entrega dos prémios do concurso de fotografias.

  

Congresso Internacional de Tauromaquia

 

A Chamusca vai ser também palco do Congresso Internacional de Tauromaquia, nos dias 11, 12 e 13 de julho, repartido pelos espaços do Cineteatro da Chamusca e em atividades de campo na Herdade das Talasnas. O tema é “Homens e Toiros, Cultura e Desenvolvimento”.

 

 

Quatro grandes cartéis em toiradas de centenário

 

Em grande destaque neste ano cheio de tauromaquia, a Praça veste-se de gala para receber 4 grandes corridas de toiros.

 

Após o Festival Taurino de 6 de abril, a primeira corrida de toiros acontece no dia 30 de maio, Quinta-Feira de Ascensão, às 17h00. É uma corrida mista, com os cavaleiros Luís Rouxinol e Francisco Palha, e os matadores António João Ferreira (Tójó) e Casquinha. Os forcados são os Amadores da Chamusca e o Aposento da Chamusca e os toiros em praça os da Ganadaria Manuel Veiga. Esta é uma corrida de homenagem a Norberto Pedroso, aficionado, ganadero e benemérito, assim como de tributo à Ganadaria Manuel Veiga que, em 2019, assinala os seus 50 anos.

 

No dia 1 de junho, realiza-se a segunda corrida de toiros da Ascensão, com homenagem a Manuel José Moedas, último mesário da Santa Casa, responsável pela Praça de Toiros, e recentemente falecido. Os cavaleiros em praça vão ser João Moura Junior, Salgueiro da Costa e Duarte Pinto. Pegam de novo os forcados do concelho, Aposento da Chamusca, e os Amadores de Santarém. Os toiros são da Ganadaria Passanha e neste dia é prestada homenagem ao Grupo de Forcados do Aposento da Chamusca que assinalam os 35 anos de existência.

 

A grande Corrida do Centenário, que se realiza no dia 3 de agosto, data oficial de inauguração da atual Praça de Toiros, é também o momento de homenagem a Alberto Empis, grande impulsionador da construção da Praça. O cartel da corrida é composto por João Moura, António Telles e Rui Salvador. Pegam os Forcados Amadores da Chamusca, Aposento da Chamusca e Amadores de Lisboa. Há concurso de ganadarias.

 

A 28 de setembro, realiza-se a quarta corrida de toiros da temporada na Chamusca, no âmbito do evento Eh! Toiro. É às 17h00 e assinala os 45 anos do Grupo de Forcados Amadores da Chamusca. O cartel é composto pelos cavaleiros Rui Fernandes, João Telles e Miguel Moura. Pega em solitário o grupo homenageado da tarde, os Forcados Amadores da Chamusca. Os toiros são da Ganadaria São Marcos.

 

No âmbito dos espetáculos taurinos, há ainda a destacar a Final do Circuito Nacional de Recortadores, no dia 5 de outubro.

Mídia
voltar ao topo