Imprimir esta página
Lido 68 vezes

Chamusca promove projeto “Do Património à Arte” para estimular sucesso escolar

 

O Município da Chamusca é parceiro e apoia o projeto “Chamusca - do Património à arte”, uma iniciativa do Agrupamento de Escolas da Chamusca que visa promover o sucesso escolar e melhorar as interações sociais entre alunos, pais e encarregados de educação e o meio envolvente, recorrendo para isso às várias formas de arte e à divulgação do património material e imaterial local.

O projeto foi candidatado ao PNPSE (Programa Nacional de Promoção do Sucesso Escolar), como Medida de Desenvolvimento Pessoal, Social e Comunitário a aplicar no ano letivo 2020/21 nas escolas do 1º e 2º ciclos do Agrupamento de Escolas da Chamusca.

O “Chamusca – do Património à Arte” tem como objetivos gerais:

- Promover o gosto pela escola e pelas atividades escolares, integrando o currículo essencial nas atividades artísticas (desenho, pintura, colagem, pintura mural e land art);                                                                                                                

- Promover a melhoria da qualidade de ensino aprendizagem;

- Valorizar o património natural e cultural material e imaterial da região, tomando este património como fonte inspiradora de novas linguagens plásticas;

- Reconhecer as tradições, ritos, símbolos, costumes, superstições, jogos, danças, como expressões artísticas inspiradoras das artes plásticas;

- Preservar e divulgar a arte enquanto património cultural.

 

Uma das primeiras ações do projeto consistiu na distribuição de kits “Eu sou artista” aos alunos de todas as escolas do concelho. O kit foi uma oferta do Munício da Chamusca e inclui um diário gráfico/sebenta, uma prancheta, um crachá, um chapéu e uma sacola para transporte. O objetivo é estimular nas crianças o hábito de registar ao vivo o mundo que os rodeia através do desenho (urban sketch).

Outro dos apoios do Município foi a oferta de livros desatualizados, que estavam no acervo da Biblioteca Municipal para abate, com o objetivo de serem utilizados na atividade “Palavras sobre palavras”, ilustração de provérbios e lenga lengas populares - desenho e aguarela sobre papel impresso.

O projeto prevê também a deslocação às escolas de um artista residente e que irá estimular e desenvolver, em conjunto com os docentes, as várias atividades a desenvolver. Uma das atividades previstas é também a realização de visita guiadas às várias exposições de arte patentes na Galeria Municipal, assim como está previsto o apoio do Município na realização de visitas guiadas às pinturas murais de Ulme e ao Observatório da Paisagem da Charneca em Casal do Gavião.

A coordenadora do projeto é a professora Rosário Sousa, que conta com a colaboração da professora Irene Guia na dinamização das atividades nas turmas do 2º ciclo. A artista residente Bló Pestana é responsável pela dinamização das atividades no 1.º ciclo.